A (Des)Ajuda Externa

Hoje, acordei pela manhã, pensando eu que, estaria um dia radioso vislumbrando um Sol Brilhante… mas depressa me apercebi que, o dia estava tão nublado como a cinzenta nuvem que assombra o nosso País!

Num utópico pensamento, disse para com os meus botões, que tudo se iria resolver… mas a magia e as utopias de resoluções instantâneas, verificam-se só nos efeitos especiais dos filmes de James Cameron ou de Steven Spielberg.

Pois é, esta nuvem que assola o País e que não tem uma solução instantânea é a Ajuda Externa, ou seja, o nosso Ministro das Finanças Vítor Gaspar foi humildemente pedir “autorização”, às mais altas patentes dos maiores países capitalistas do Euro Grupo , no Parlamento Europeu, em Bruxelas, para que se encontre uma forma de, facilitar ou não sacrificar tanto a vida ao povo português, e de modo a que, se encontrem medidas mais ponderadas e plausíveis para prorrogar o prazo do pagamento da dívida nacional.

Ora bem, vejamos… tal endividamento foi feito pelos nossos dirigentes políticos, ao longo destes anos… se repararem, não foram os contribuintes a fazer tal divida… Mas como sempre, o “Zé Povinho” é que paga, recheando os bolsos dos fatos caros comprados em lojas chiques e de renome internacional e as contas voluptuosas em offshore, os denominados paraísos fiscais, que só por um acaso um desses paraísos, situa-se na ilha da Madeira.

Mas endividamentos à parte, volto a referir o que escrevi num parágrafo acima, a dita “autorização”, querendo agora referir a ameaça do Ministro das Finanças alemão, digo isto porque, este Sr. aconselhou que, não devamos pedir as mesmas condições que, foram concedidas à Grécia para podermos entrar nos mercados internacionais… mas isto soou-me a ameaça. Porquê? Porque, no meu prisma pareceu-me que, o Sr. por palavras mais floreadas e simpáticas estava a dizer-nos: – Ou fazem como nós dizemos ou então não entram nos mercados internacionais! O que vos parece?

Bom, tenho de dar a “mão à palmatória”, no sentido em que, os nossos governantes, bem tentaram “facilitar” a vida aos portugueses, com discursos retoricamente corretos no Parlamento Europeu, mas de nada adiantou, ainda foram gastar o nosso sacrifício (monetário) em viagens, hotéis e alimentação.

Agora, voltando ao assunto de Portugal versus Grécia, simplesmente têm 2 similaridades, sendo estas: pertencem à União Europeia e também uma elevada taxa de endividamento. No que concerne, a discrepâncias são algumas bastante consideráveis como: a cultura e as tradições são extremamente diferentes, o idioma também, as iguarias idem aspas e até o sabor da História e o aroma da hospitalidade. Mas se notarem, nenhum país se iguala a outro, visto que, é único, cada país é singular e é isso que os torna diferentes e enriquece as multinacionalidades terrestes. E ser comparável à Grécia até seria bom, visto que, foi-lhes perdoada metade da dívida.

Ainda por cima, o nosso Primeiro-ministro Passos Coelho refere que, Portugal foi elogiado porque estávamos num bom caminho.

É de loucos! Só se for para levar Portugal à bancarrota?! Preferindo, ainda vender dívida a vários povos, ou seja, qualquer dia, já não falaremos português mas sim chinês ou turco ou melhor alemão! O nosso território está a ser divido aos poucos… Tanto trabalho que, teve Dom Afonso Henriques ao expulsar os mouros do nosso País, tendo até travado batalha com a própria mãe para nada??? Para agora, estar a desintegrar-se o seu ”Portucale”?

Onde isto vai parar…

Mas, no entanto, considero que seria um caso a ponderar, a compra de óculos do que a ostentação de carros de luxo, visto que, já deviam ter visto a violência do sacrifício que impõem ao populato. Embora os partidos políticos da oposição já haviam dito que era necessário a prorrogação do prazo…

E o que nos resta é a chuva que resvala pelo nosso semblante!

Silêncio que não quer Calar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s